Planejamento Orcamentos Avaliaçao Custos Controles Treinamentos

 

Planejamento Estratégico

Método pelo qual a empresa define a mobilização de seus recursos para alcançar os objetivos propostos. É um planejamento global a curto, médio e longo prazo. 
Desde a segunda grande guerra mundial, até o final do século passado, uma empresa, que trabalhasse de forma séria teria um lucro e se estabelecia no mercado sem grandes problemas. De alguns anos para cá, experimentamos várias novas situações. Globalização, Informatização e Sustentabilidade são sem dúvidas as mais importantes. Em conjunto com esta nova ordem mundial temos oportunidades e ameaças, que até então não faziam parte do cotidiano das empresas, que continuavam a existir independente de uma análise mais apropriada da consequência futura de uma decisão atual. O Planejamento Estratégico pode ser uma resposta a tudo isso. Tem como objetivo não só aumentar o lucro, mas nortear as ações para que a remuneração do capital também aconteça nos próximos anos.

É importante que o Planejamento Estratégico seja registrado por escrito. Muitos sócios, diretores e gerentes imaginam que um planejamento pode existir somente nas suas cabeças. Isso leva a um erro fundamental, o planejamento pode mudar conforme o humor destes líderes ou de como eles vêem as variações das condições socioeconômicas de cada período. Por outro lado, muito do planejamento é sigiloso, não seria conveniente os concorrentes saberem tudo o que estamos pensando. O planejamento completo deve ser de conhecimento somente do grupo que trabalhou na sua confecção. Apenas alguns itens serão divulgados a uma parte dos colaboradores, para que estes possam contribuir na sua realização. Mas todo o planejamento deve ser escrito, lido e relido periodicamente, reescrito ser for o caso, mas sempre servir de base às decisões cotidianas dos líderes.
O Planejamento nasce dos grandes objetivos. Para as empresas que já desenvolvem um programa de qualidade, esta questão já está resolvida na Missão, Visão e Objetivos da empresa. O Planejamento Estratégico é a prova que estes importantes instrumentos tem uma utilidade prática. Para as empresas que ainda não pensaram sobre estes temas, tem uma oportunidade de fazê-lo no início do Planejamento Estratégico.
Não existe um modelo único de como fazer um Planejamento Estratégico, cada empresa tem suas particularidades que devem ser respeitadas. Um erro bastante comum e tentar adaptar o modelo usado em grandes empresas em outras de menor porte. Isso só torna o processo doloroso e pouco produtivo. Órgãos Governamentais usam esta ferramenta com bastante frequência, mas estas têm uma disponibilidade de recursos humanos maior que a maioria das empresas de pequeno e médio porte, que devem ter um planejamento menos detalhado e mais funcional.

Planejamento Estratégico não é sinônimo de Planejamento a Longo Prazo, nem de Plano Tático, muito menos de Orçamento. Vamos ver as diferenças:

Orçamento é a previsão do resultado para o próximo ano, pode-se encontrar mais detalhes em uma página específica deste site; 
Plano Tático é voltado para uma área específica da empresa, como Marketing ou Financeiro. Pode ser um dos itens de Planejamento Estratégico; 
Planejamento a Longo Prazo, envolve projetar a atual situação da empresa para os próximos anos, mudando apenas o básico como crescimento e ganhos de produtividade.

Planejamento Estratégico muda a realidade atual. Vejamos alguns exemplos bastante comuns nas empresas hoje:

• aprovação da aquisição de equipamento; 
• reavaliação de uma parceria com um prestador de serviço; 
• um novo contrato de venda dos produtos ou serviços da empresa

Estes itens dependem, e muito, do Planejamento feito. Nestes casos o líder responsável pela decisão deve sempre ter em mente os posicionamentos já desenvolvidos no Planejamento Estratégico. Tudo isso pode parecer complexo demais para uma empresa de pequeno ou de médio porte, mas os exemplos mostram o quanto um bom Planejamento Estratégico pode agilizar o cotidiano dos líderes. Lembramos novamente que o planejamento deve ser do tamanho da empresa e desta forma apresentar respostas adequadas.

Para reagir de forma adequada às mudanças, oportunidades e ameaças o Planejamento Estratégico deve ser completo, porém sem ser exagerado. Ele deve ser realizado seguindo estas etapas:

• Definição ou confirmação do que queremos 
• Visão de cada um dos envolvidos a respeito do negócio 
• Diagnósticos da situação atual da empresa 
• Análise dos ambientes econômico, social, tecnológico e político. 
• Análise externa, mercado e concorrentes, oportunidades e ameaças. 
• Análise interna e organizacional, pontos fortes e pontos fracos. 
• Cenários futuros e formulação de estratégias. 
• Implementação, feedback e controle.

"O Planejamento não diz respeito a decisões futuras, mas às implicações futuras das decisões presentes."
Peter Drucker

"Pode dizer-me que caminho tomar?
Isso depende do lugar para onde você quer ir.
Não tenho destino certo.
Neste caso qualquer caminho serve."
(parte de Alice no país das maravilhas)
Lewis Carrol

Não deixe de visitar as demais páginas deste site.